Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/05/20 às 16h45 - Atualizado em 24/05/20 às 17h44

Embaixada da Índia doa recursos e sinaliza interesse em parceria comercial com o GDF

COMPARTILHAR

POR LÍVIO DI ARAÚJO

 

Solidários aos moradores do DF durante a pandemia do novo coronavírus, diplomatas da Embaixada da Índia no Brasil se colocaram à disposição do Governo do Distrito Federal (GDF) para uma parceria na área comercial, tão logo a crise causada pela Covid-19 no mundo, esteja controlada. Durante o encontro, foi anunciada, ainda, uma doação financeira dos diplomatas para o programa Todos Contra a Covid.

 

De acordo com o ministro conselheiro da embaixada da Índia, Shri S. Koventhan, o país está disposto a ajudar o Distrito Federal criando um cronograma de ações e estabelecendo o contato entre o governo local e grandes empresas indianas. “Podem esperar um suporte total da Índia”, garantiu Koventhan. “Nós também queremos crescer juntos com Brasília”, completou o diplomata do país que superou o número de 100 mil casos da Covid-19 com mais de 3,4 mil mortes.

 

A comitiva foi recebida pela vice-governador Paco Britto – coordenador do programa Todos Contra a Covid -, que agradeceu o apoio dos indianos em nome do governador Ibaneis Rocha. “Nos sentimos muito emocionados e honrados em receber de vocês atitudes tão humanas, solidárias e de amor ao próximo”, disse. Paco frisou que o “momento pós-pandemia” chegará em breve e que, juntos, Brasília e Índia, podem sair na frente com uma parceira que beneficie a economia tanto do DF quanto do país asiático.

 

“Agora, o foco do governo Ibaneis é salvar vidas, mas nada impede que comecemos a nos preparar para o pós-Covid. Brasília está de portas abertas para receber indústrias indianas e atrair empresas da Índia para cá”, ressaltou o vice-governador.

 

Além do ministro conselheiro da embaixada, estiveram presentes outros sete diplomatas indianos: Venugopal Ravuniarath; Arjun Deore; Simon Tirkey; Sushil Kumar; Pushpa Tigga; Anand Prakash e o capitão Mansij Lal. O valor da doação feita não foi divulgado, mas servirá para o combate à Covid-19 no Distrito Federal na compra de respiradores, confecção de máscaras de proteção, entre outras ações.