Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
6/03/20 às 13h48 - Atualizado em 9/03/20 às 16h17

Revitalização de estacionamento de igreja beneficiará milhares de fiéis

COMPARTILHAR
Igreja chega a receber 15 mil pessoas em eventos especiais | Foto: Vinicius de Melo / Agência Brasília 

“É uma grande vitória para a igreja.” Foi assim que definiu o presidente da Assembleia de Deus de Taguatinga (Adtag), pastor Gilson Ferreira Campos, referindo-se ao andamento do projeto preliminar que praticamente triplicará o número das atuais 50 vagas no estacionamento da área em frente à igreja, melhorando o fluxo de carros que transitam no local. O projeto foi apresentado pelo Governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Administração Regional de Taguatinga.

Os termos do projeto foram discutidos na manhã desta terça-feira (3), durante encontro na Catedral das Assembleias de Deus Campo de Taguatinga (QNJ, Área Especial), com a presença do vice-governador Paco Britto e do administrador regional Geraldo César Araújo, o Geraldinho. Paco se reuniu com o pastor em atendimento à demanda feita ao governo durante a semana de Carnaval, quando o vice-governador esteve na cidade para o Congresso Unidos, da Igreja Assembleia de Deus.

Em média, 500 veículos usam o estacionamento nos fins de semana, quando são realizados os cultos. Quando há eventos maiores, como congressos e encontros especiais, esse número dobra. Outro benefício anunciado na reunião foi a requalificação de toda a área, incluindo a iluminação, com abertura de acesso para a avenida Hélio Prates – principal via que cruza as cidades de Taguatinga e Ceilândia.

A igreja fica de frente para a avenida, mas tem apenas uma entrada de acesso, pela lateral, dificultando o trânsito de milhares de fiéis que frequentam a igreja, principalmente durante a realização de grandes eventos. Trata-se de uma antiga reivindicação dos mais de 1,5 mil fiéis que frequentam o local. Durante esses eventos especiais a igreja chega a receber, em média, 15 mil pessoas.

 

Encaminhamento

 

De acordo com Geraldinho, houve consenso na concepção do projeto de estacionamento. “Sairemos das 50 vagas atuais para cerca de 120”, destacou. Ele lembra que o documento passará pelo trâmite normal, em que o próximo passo é enviar o projeto para apreciação da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh).

Ainda de acordo com o administrador, o deputado distrital Reginaldo Veras, também presente ao encontro, proverá o recurso necessário por meio de emenda parlamentar, que servirá para comprar o material da obra. “Mas toda a mão de obra será feita pela Administração Regional de Taguatinga. Com isso, o custo sairá mais barato”, emendou Geraldinho.

O vice-governador Paco Britto ouviu as reivindicações e frisou que atenderá à demanda dentro do que estabelece as normas do GDF para regularização urbanística e fundiária de templos e organizações sociais. Para se tornar legal, por exemplo, a instituição religiosa deve ter se instalado no imóvel antes de 2007 e estar em área urbana.

Ele falou ainda sobre espaços ociosos nas igrejas. “O governo quer ajudar as instituições e as igrejas podem ser beneficiadas com o Cartão-Creche”, lembrou Paco, referindo-se ao fato de que os novos cartões – com créditos disponíveis no valor de R$ 803,57 – podem beneficiar igrejas e templos, bem como seus respectivos serviços assistenciais voltados ao cuidado com crianças. Uma vez que pretendam se cadastrar junto à Secretaria de Educação, eles ficam aptos a receber as remunerações pelo serviço.