Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
21/12/23 às 10h33 - Atualizado em 21/12/23 às 10h34

Congresso Realize capacita mulheres em situação de vulnerabilidade

 

O Estacionamento 10 do Parque da Cidade foi o cenário, nesta quarta-feira (20), da segunda edição do Congresso Realize, iniciativa da Secretaria da Mulher (SMDF) destinada a desenvolver competências essenciais para a vida e o trabalho do público feminino em situação de vulnerabilidade. Durante a ação, 75 mulheres foram certificadas em cursos de capacitação.

 

A vice-governadora Celina Leão lembrou a importância do programa: “O GDF tem o compromisso de transformar a vida das que passam pela Secretaria da Mulher e de todas que precisam” | Foto : George Gianni / VGDF

 

O programa Realize adota uma abordagem diversificada, incluindo oficinas, cursos, workshops, palestras e dinâmicas interativas de aprendizagem. O foco é o desenvolvimento de habilidades socioemocionais, com ênfase no empreendedorismo e na autonomia econômica. Adicionalmente, são disponibilizadas ferramentas de planejamento profissional para estimular a iniciativa empreendedora de mulheres em situação de vulnerabilidade.

 

“Reunir essas mulheres aqui hoje mostra o quão longe podemos ir ao incentivá-las”, afirmou a secretária da Mulher, Giselle Ferreira. “Ao passar pelo programa, as mulheres têm a oportunidade de alcançar crescimento individual e maior empregabilidade, adquirindo habilidades como profissionalização, técnicas interpessoais, entre outras.”

 

Trabalho e acompanhamento

 

O evento contou com a presença da vice-governadora, Celina Leão, que declarou: “Meninas e mulheres, preocupem-se com o seu legado. São vocês as responsáveis por deixar uma marca na nossa sociedade. É para isso que capacitamos as mulheres, para que não aceitem menos do que merecem. O GDF tem o compromisso de transformar a vida das que passam pela Secretaria da Mulher e de todas que precisam. Aos poucos, estamos conquistando isso.”

 

As capacitações foram realizadas por meio de parceria com o Instituto BRB. As mulheres receberam certificados em técnicas de upcycling (reconstrução de peças de roupas), extensão de cílios, manicure e pedicure, alongamento de unhas, técnicas de massagem relaxante, drenagem linfática, massagem modeladora e artesanato natalino. A equipe do programa faz o acompanhamento das alunas por um período mínimo de seis meses após o término do curso, oferecendo suporte de atendimento psicossocial individual para garantir o cuidado emocional.

 

Oportunidade

 

Maristeia Alves, 48, contou que o programa chegou em um momento oportuno para que ela saísse do desemprego: “A iniciativa da secretaria, para impulsionar mulheres que pensam que não podem mais ou que têm dúvidas sobre a profissão que querem seguir, é muito boa, porque assim aprendemos e nos redescobrimos.”

 

Após participarem do projeto, as mulheres têm a oportunidade de adquirir capacidade para elaborar seus próprios currículos, entre outras habilidades. Elas também ficam aptas a participar de projetos de empreendedorismo, desenvolvendo atitudes empreendedoras que ajudam na gestão de seus negócios e ampliam sua visão de mercado.

 

O Congresso Realize, que ainda ofereceu palestras motivacionais e uma confraternização com dança e música ao vivo, reafirmou o compromisso da SMDF em promover a igualdade de gênero e fortalecer o público feminino, bem como ajudar na construção de uma sociedade mais inclusiva.

 

Por: Agência Brasília *Com informações da Secretaria da Mulher