Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
6/08/21 às 18h05 - Atualizado em 6/08/21 às 18h32

Lançada a pedra fundamental do novo quartel dos bombeiros de Ceilândia

COMPARTILHAR

Foto Vínicius Melo/Agência Brasília.

 

 

 

 

A pedra fundamental para a construção do novo quartel do 8º Grupamento Bombeiro Militar, em Ceilândia, foi lançada, na manhã desta terça-feira (3), durante cerimônia na unidade provisória do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) da cidade. Representando o governador Ibaneis Rocha, o vice-governador Paco Britto foi recebido pelo comandante-geral do CBMDF, coronel William Augusto Ferreira Bomfim.

 

Com investimento de R$ 5.950.000, a obra será inaugurada em 12 meses. Em 30 dias, está previsto o início da construção. Trata-se de uma das obras prioritárias da corporação, alinhada ao Plano Estratégico do CBMDF.

 

Segundo a instituição, o intuito é atender as ocorrências emergenciais nos padrões internacionais, além de garantir a infraestrutura apropriada às atividades operacionais. Também fazem parte dos objetivos valorizar o profissional bombeiro-militar e modernizar o atendimento e o despacho operacional.

 

“A cidade mais populosa do Distrito Federal tem recebido diversos investimentos e merece um novo e moderno quartel do Corpo de Bombeiros”, destacou Paco Britto, referindo-se ao prédio atual, que, segundo ele, está “muito antigo e desgastado”.

 

Paco lembrou ainda que, em um momento de pandemia, o CBMDF demonstra que, além do excelente desempenho nas ações de enfrentamento à covid-19 – a corporação terminou o mês de julho com índice zero de infecções –, está promovendo atividades que resultarão em melhorias duradouras para o seu efetivo. “Esse é mais um legado do nosso governo para as gerações futuras. O governador Ibaneis Rocha é um guerreiro, um maestro de todos nós, que tem coragem de enfrentar e realizar grandes obras”, disse. “Nós temos as melhores e mais comprometidas forças militares deste país”.

 

Com palavras de gratidão ao governo Ibaneis Rocha, o comandante Bomfim, dirigindo-se ao vice-governador, ressaltou o momento diferenciado pelo qual a corporação está passando. “Hoje, a tropa é feliz, porque nossas demandas são atendidas”, pontuou, citando como exemplo a promoção recente dos 475 militares efetivada pelo Executivo local. “Nós merecemos um quartel atual e moderno. O governo está fazendo uma revolução nesta cidade. Estou muito grato por tudo que tem feito”, completou.

 

Para se ter uma ideia da demanda local, 12% de todas ocorrências do CBMDF partem do quartel de Ceilândia, que é a cidade mais populosa do DF.

 

 

TEXTO: LUCÍOLA BARBOSA, DA AGÊNCIA BRASÍLIA | EDIÇÃO: MÔNICA PEDROSO