Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
18/03/24 às 11h11 - Atualizado em 18/03/24 às 11h11

Santa Maria recebe GDF Mais Perto do Cidadão e Dia D de Combate à Dengue

 

A população de Santa Maria recebeu a 24ª edição do GDF Mais Perto do Cidadão, realizada nesta sexta (15) e sábado (16). A iniciativa da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus-DF) tem o objetivo de facilitar o acesso dos moradores a atendimentos sociais, médicos, psicológicos, assistenciais, jurídicos e de lazer, de forma gratuita. A estrutura do programa foi montada ao lado da unidade da Agência do Trabalhador de Santa Maria.

 

Iniciativa do GDF mobilizou a população, que pôde ter acesso a diferentes serviços | Foto : Georgie Gianni / VGDF

 

A ação deste fim de semana foi executada em conjunto com o Dia D de Combate à Dengue, que traz campanhas de conscientização e ações contra o mosquito transmissor da doença. Presente ao evento, a vice-governadora Celina Leão lembrou que já houve mais de 300 mil atendimentos de dengue no DF.

 

“Nós estamos dando o máximo da potência do nosso governo”, declarou. “Quando vocês virem algum bombeiro ou agente de vigilância ambiental, recebam-no com carinho na residência. Ajudem a fiscalizar, denunciem quem está jogando lixo nas ruas. É crime, e tem multa. Vamos vencer essa epidemia juntos. A gente pede que a população não espere para procurar a unidade básica de saúde [UBS], não espere para começar a se hidratar em casa, não dê chance para qualquer tipo de desconforto.”

 

Atendimento à comunidade

 

Participaram representantes de diversos órgãos públicos, como a Defensoria Pública do DF (DPDF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), Polícia Civil (PCDF), Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb) e Secretaria de Saúde, entre outros.

 

“Esta é a sétima edição de 2024 do GDF Mais Perto do Cidadão, e todas com foco no combate ao mosquito Aedes aegypti, pois precisamos solucionar a questão da dengue na capital”, reforçou a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani. “A população de todo o DF precisa estar cada vez mais consciente de que esta é uma luta de todos nós, e a Sejus está aqui, desta vez em Santa Maria, para ajudar.”

 

O evento disponibilizou exames e consultas médicas, incluindo aferição de pressão e atendimento com dentista, atendimento psicológico e assistência social, corte de cabelo e design de sobrancelha, aplicação de vacina antirrábica e consultas veterinárias, orientações jurídicas, cadastro em políticas públicas e todos os serviços disponíveis no Na Hora e no Procon-DF.

 

A balconista Dayane Dark, 31, aproveitou para tirar uma nova via da Carteira de Identidade. Há meses sem o documento, ela não estava conseguindo ir ao Na Hora para resolver o problema. “Vim assim que acordei, porque sabia que daria certo”, disse. “Esses eventos são muito importantes para a comunidade, porque vários serviços ficam reunidos em um só lugar”.

 

Houve ainda testagem rápida da dengue, além de hidratação intravenosa e informações sobre como se prevenir da doença. Algodão-doce, pipoca, cama elástica e bexigas em formato de animais fizeram a alegria da criançada.

 

Moradora de Luziânia (GO), a autônoma Fernanda Alves, 31, ficou sabendo do evento pelas redes sociais e levou os quatro filhos – Eduarda, 13, Artur, 10, Miguel, 8, e Ana Laura, 3, que se divertiram com as brincadeiras e ganharam a primeira identidade. Os dois meninos também cortaram o cabelo. “Não conhecia o evento, e fiquei encantada”, disse Fernanda. “É maravilhoso, principalmente para pessoas de baixa renda. Já recomendei no grupo da família e das amigas”.

 

O administrador regional de Santa Maria, Josiel França, também comemorou a ação: “Conseguimos levar mais atendimentos importantes para próximo dos moradores. Durante essas últimas duas semanas, tiramos mais de mil toneladas de inservíveis da cidade, e hoje, junto à Segov [Secretaria de Governo], estaremos com 40 caçambas e dez carregadeiras para limpar a cidade”, assinala.

 

‌O programa

 

O GDF Mais Perto do Cidadão completou um ano em fevereiro ultrapassando a marca de 170 mil atendimentos. A medida foi instaurada por meio do Decreto nº 44.213/2023 em eixos temáticos transversais, como Justiça e Cidadania, Saúde, Cultura, Educação e Esporte e Lazer, entre outros.

 

Por: Agência Brasília